website free tracking

Minha cunhadinha safada

Eu sempre fui o tipo de cara que adora uma boa aventura e não perde a oportunidade de saciar meus desejos e fantasias mais secretas. E foi assim que conheci minha cunhadinha safada, uma mulher linda, com curvas perfeitas e um jeito sensual que me enlouquecia.

Tudo começou em uma reunião de família, quando minha namorada me apresentou sua irmã mais nova, a cunhadinha que eu nunca tinha visto antes. Desde o primeiro momento, senti uma química intensa entre nós, mas me mantive firme, afinal, ela era a irmã da minha namorada. Porém, a cada encontro, nosso desejo só aumentava e ficava cada vez mais difícil resistir.

Até que um dia, minha namorada teve que viajar a trabalho e eu fiquei hospedado na casa dela para cuidar do cachorro, já que minha cunhadinha não tinha como ficar. Mal sabia eu que aqueles dias seriam os mais intensos e prazerosos da minha vida.

Uma noite inesquecível

Já era tarde da noite e eu estava sozinho em casa quando minha cunhadinha chegou, bêbada e com um vestido curto que deixava suas pernas à mostra. Eu tentei disfarçar, mas não conseguia tirar os olhos dela. Foi quando ela se aproximou e sussurrou em meu ouvido que estava com vontade de fazer algo diferente e proibido.

Aquelas palavras me excitaram de uma forma que eu nunca tinha sentido antes. Sem pensar duas vezes, peguei sua mão e a levei para o quarto de hóspedes, onde eu estava dormindo. Sem dizer uma palavra, ela se jogou na cama e começou a tirar o vestido, revelando um conjunto de lingerie vermelho que deixou meu pau duro na hora.

Sem perder tempo, tirei minha roupa e me joguei em cima dela, beijando seu pescoço e acariciando cada curva do seu corpo.

Um boquete inesquecível

Enquanto ela gemia de prazer, comecei a descer beijando sua barriga, até chegar em sua bucetinha molhada e faminta por minha língua. Eu a chupava com vontade, explorando cada pedacinho de sua intimidade e fazendo ela gozar em minha boca.

Mas ela não estava satisfeita, queria sentir meu pau dentro dela. Então, ela se ajoelhou e começou a me chupar com maestria, me levando à loucura. Enquanto ela me dava um boquete delicioso, eu apertava seus cabelos e a guiava, fazendo-a engolir cada centímetro do meu pau.

Um sexo proibido e intenso

Após alguns minutos de um boquete sensacional, eu coloquei minha cunhadinha de quatro e comecei a penetrá-la com força e vontade. Senti seu corpo se contorcer de prazer a cada estocada e suas unhas cravando em minha pele. Ela gemia alto e pedia por mais, enquanto eu a apertava pela cintura e metia cada vez mais fundo.

Fizemos sexo em todas as posições, explorando cada cantinho do quarto e saciando nossos desejos mais profundos. Eu lambia e chupava seus seios, enquanto ela cavalgava em meu pau e rebolava com maestria. Foi uma noite de sexo proibido e intenso que jamais esqueceremos.

Um orgasmo inesquecível

Quando chegamos ao ápice do prazer, eu puxei minha cunhadinha pela cintura e a beijei com vontade, enquanto ela gozava em um orgasmo intenso e inesquecível. Eu não aguentei mais e gozei junto com ela, sentindo meu líquido quente se misturar com o dela.

Depois de um momento de relaxamento e satisfação, nos olhamos e rimos da situação. Sabíamos que aquilo era errado e que teríamos que manter nosso segredo, mas também sabíamos que aquela noite de sexo foi a melhor que já tivemos.

Desde então, eu e minha cunhadinha safada nos encontramos sempre que podemos e vivemos momentos de puro prazer e tesão. Somos cúmplices em um segredo que nos une e nos faz querer sempre mais um do outro. E eu não poderia estar mais feliz por ter uma cunhadinha tão safada e deliciosa.

1 comentário em “Minha cunhadinha safada”

  1. Pingback: Homem casado e muito prazer a mais - Contos Eróticos Reais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima