website free tracking

Transando no Busão: Uma Aventura Proibida

Fazia um calor infernal naquele dia de verão no Rio de Janeiro. Eu estava voltando do trabalho, cansado e suado, tentando não surtar com o trânsito caótico da cidade. Foi quando aconteceu: meu ônibus parou no meio do congestionamento e ficou preso ali por quase uma hora. A essa altura, eu já estava impaciente, com a camisa colada no corpo e louco para chegar em casa e tomar um banho gelado.

Mas a vida é cheia de surpresas, e eu não esperava que aquela parada forçada no engarrafamento fosse me proporcionar uma das experiências mais excitantes da minha vida. Eu estava lá, olhando pela janela e tentando não enlouquecer com o calor, quando de repente ela entrou no ônibus. Uma mulher linda, de cabelos longos e negros, com um vestido justo que realçava suas curvas perfeitas. Ela se sentou no banco ao meu lado e eu senti meu coração acelerar.

Não pude deixar de notar que ela estava suada e ofegante, como se tivesse acabado de correr uma maratona. Eu a observei de cima a baixo e não consegui disfarçar meu desejo por ela. Nossos olhares se cruzaram e ela sorriu de maneira provocante, como se soubesse exatamente o que eu estava pensando.

Sem me dar conta, meus pensamentos começaram a viajar para um lugar bem mais quente do que aquele ônibus abafado. Eu imaginava aquela mulher incrível me beijando, me tocando, gemendo de prazer em meus braços. Eu queria tanto provar da sua pele suada, sentir seu cheiro, ouvir seus gemidos de perto.

Foi quando ela se inclinou em minha direção e sussurrou em meu ouvido:

– Você está imaginando coisas bem safadas, não está?

Minha respiração ficou ainda mais pesada e eu não consegui responder. Ela riu e mordeu levemente meu lóbulo, me provocando ainda mais. Eu estava completamente enlouquecido e mal podia acreditar que aquilo estava realmente acontecendo.

Uma Provocação Deliciosa

Ela continuou me provocando, passando a língua em meu pescoço e mordiscando minha orelha. Eu já estava ficando duro só com aquela situação proibida e excitante. Ela percebeu e se ajeitou no banco, ficando um pouco mais próxima de mim.

– Você quer saber como é transar no busão? – ela perguntou, com um sorriso malicioso nos lábios.

Eu não conseguia pensar em mais nada além de sentir aquela mulher incrível em meus braços, me dando prazer em público, em um ônibus lotado. Eu apenas assenti, incapaz de articular qualquer palavra.

Um Sexo Proibido e Excitante

Sem hesitar, ela se levantou e me puxou para fora do banco. Nós nos esprememos em um pequeno espaço ao lado das cadeiras e ela começou a tirar seu vestido, revelando um corpo perfeito e uma lingerie sensual. Eu mal podia acreditar que aquilo estava realmente acontecendo e mal conseguia me conter de tanta excitação.

Ela me beijou com volúpia, enquanto eu apertava sua bunda e acariciava seu corpo. Foi quando ouvimos alguns murmúrios e risadas ao nosso redor. Percebemos que algumas pessoas na parte de trás do ônibus estavam olhando para nós, mas isso só fez com que a situação ficasse ainda mais excitante.

Eu desci minha mão até sua calcinha, encontrando sua bucetinha molhada e pronta para mim. Eu a acariciei, fazendo-a gemer em meu ouvido. Ela me entregou seu corpo sem nenhum pudor, enquanto o ônibus balançava e o ambiente cheio de pessoas apenas nos instigava mais.

Um Gozo Intenso e Inesquecível

Eu a puxei para cima de mim, e ela se sentou em meu colo, rebolando em meu pau duro por cima da calça. Eu a beijava com desejo, enquanto ela se esfregava em mim e gemia de prazer. Eu estava prestes a gozar ali mesmo, no meio de todo aquele caos.

Ela percebeu e se abaixou, tirando meu pau para fora e o colocando em sua boca. Eu delirei de tesão, sentindo seu boquete molhado e quente me levando ao ápice. Eu gozei em sua boca, enquanto ela engolia tudo e me olhava com uma expressão de satisfação.

O ônibus finalmente começou a se mover de novo, nos lembrando de que estávamos em um lugar público e que tudo aquilo tinha acontecido em poucos minutos. Ela se recompôs e me deu um último beijo antes de sair do ônibus, me deixando ali, com a sensação de que havia vivido um sonho.

Uma Experiência Marcante

Eu cheguei em casa sem acreditar no que havia acabado de acontecer. Aquele sexo proibido e excitante no busão havia sido tão intenso e inesquecível que eu mal conseguia acreditar que era real. Eu me perguntava se aquela mulher incrível seria apenas uma fantasia ou se eu a encontraria novamente em outro ônibus, em outro dia de engarrafamento.

Eu nunca soube o nome dela, nunca a encontrei de novo, mas aquela experiência ficou marcada em minha memória e em meu corpo. Eu me senti vivo e vivo novamente, e nunca mais esqueci daquele calor do verão que me proporcionou um momento tão prazeroso e inesquecível. Transar no busão pode ser proibido, mas eu não posso negar que foi uma aventura deliciosa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima